(41) 3388.7800 - (43) 3306.7700
LinkedIn Facebook Twitter YouTube
 

Rede Brasil do Pacto Global premia boas práticas em água e saneamento

O ISAE Escola de Negócios, por meio do seu Programa de Mestrado Profissional em Governança e Sustentabilidade, apoia a Rede Brasil do Pacto Global que recebe até 18 de outubro inscrições para prêmio no setor de água e saneamento (Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6). A iniciativa tem o objetivo de reconhecer melhores projetos desenvolvidos por membros da rede que privilegiem práticas de sustentabilidade. Os selecionados serão reconhecidos em publicação a ser lançada em dezembro, durante evento anual da plataforma The CEO Water Mandate.

O prêmio é endereçado a todos os membros da Rede Brasil e às organizações que fazem parte do Pacto Global das Nações Unidas internacionalmente e que tenham interesse em se tornar participantes locais.

É permitido inscrever projetos em andamento ou já finalizados nas categorias: 1) Água, saneamento e higiene (WASH) e direitos humanos; 2) Eficiência hídrica em cadeias diretas de operações e suprimentos; 3) Proteção e restauração de ecossistemas; 4) Ação coletiva.

A iniciativa conta com o patrocínio do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (CREA-GO) e apoio do Instituto Superior de Administração e Economia do Mercosul (ISAE).

Inscrições

As inscrições estão abertas até 18 de outubro, às 23h59, através do link (clique aqui).

Para participar, é preciso preencher o formulário completo, indicando o líder do projeto, a equipe envolvida, a categoria de inscrição, o título e o resumo do projeto.

Não há pagamento de inscrição para membros da Rede Brasil do Pacto Global. Será cobrada a taxa de 750 reais para as organizações que fazem parte do Pacto em nível global, mas ainda não são membros da rede brasileira.

O número de inscrições por membros é limitado a um projeto por categoria. A comissão organizadora do prêmio “Cases de sucesso em água e saneamento (ODS 6) 2019” será definida pela Secretaria da Rede Brasil do Pacto Global.

Confira aqui o edital completo com as informações sobre o prêmio e sobre como participar. Eventuais dúvidas ou sugestões podem ser feitas pelo e-mail gcmoreira@pacinst.org.

Evento de lançamento

Os dez casos selecionados serão publicados em um relatório e apresentados no evento anual do The CEO Water Mandate, que ocorrerá no dia 11 de dezembro.

O evento terá a participação de Jason Morrison, presidente do Pacific Institute e do CEO Water Mandate.

Aluno do Mestrado em Governança e Sustentabilidade inicia pesquisa na University College London (UCL)

O aluno do Mestrado em Governança & Sustentabilidade, do ISAE Escola de Negócios, Alexandro Radin, iniciou na semana passada, na University College London – UCL no Reino Unido, um período de vivência como pesquisador visitante. Alex permanecerá na UCL até fevereiro de 2020.

Alexandro realizará um estudo sobre a influência e relação entre qualidade da água x investimentos em saneamento e incidência de Doenças Relacionadas ao Saneamento Ambiental Inadequado (DRSAI) na cidade de Araucária (Paraná). O aluno comparará estes dados com uma cidade similar da Inglaterra.

O objetivo é conhecer melhor estas prováveis relações, bem como, as estratégias bem-sucedidas de investimentos e gestão pública em uso no país britânico que podem ser aplicadas no Brasil.

O estudo fará uso do modelo metodológico de organização de indicadores em saúde ambiental desenvolvido pela Organização Mundial da Saúde -OMS, Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente – PNUMA e Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos – USEPA, denominado FPEEEA – força motriz, pressão, estado, exposição, efeito e ação.

Alexandro e a Professora Dra. Luiza Campos.

O trabalho tem a orientação do Prof. Dr. Charles Carneiro (ISAE) e co-orientação da Prof. Dra. Luiza Campos (imagem acima) e Prof. Dra. Paty Kostkova, ambas da University College de Londres.

Turismo, natureza e atividade de baixo carbono

No dia 3 de abril, a coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Governança e Sustentabilidade, Prof.ª Dr.ª Isabel Grimm, participou do lançamento do livro: Turismo e Sociedade – Aspectos Teóricos, organizado por Bruno Martins Augusto Gomes e Miguel Bahl, pela editora All Print. Isabel é autora do capítulo: Turismo e Natureza: para pensar uma atividade de baixo carbono, que relaciona o turismo com as emissões de GEE, uma das causas das mudanças climáticas

A obra

O turismo é um fenômeno social com implicações econômicas e ingerências das mais diversas ordens. Por isso aqueles que se dedicam a investigá-lo, indiferentemente do enfoque que adotam, necessitam atentar-se para a interação do turismo com a sociedade e vice-versa, bem como os seus efeitos. Para tanto o livro Turismo e Sociedade: aspectos teóricos reúne doutores dedicados à compreensão de alguns dos principais aspectos teóricos necessários ao analisar a interação entre o turismo e a sociedade, notadamente geográficos, culturais, sociais, políticos, urbanos, rurais, econômicos, naturais e educacionais.

 

Mestrado apresenta artigo em evento mundial referência para pesquisadores da Sustentabilidade

Pesquisadores de Sustentabilidade de todo o mundo estão participando do 2.º World Symposium on Sustainability Science and Research que ocorre hoje, em Curitiba. A comunidade acadêmica do ISAE Escola de Negócios está representada por dois artigos escritos pelo seu presidente, Norman Arruda Filho, com coautoria da mestranda do Programa de Mestrado Profissional em Governança e Sustentabilidade do ISAE, Barbara Beuter e da professora doutora, Marcia Cassitas. O presidente do ISAE atua ainda como chair de um dos painéis.

Os artigos apresentados são: Incluindo ODS na educação de líderes globalmente responsáveis e Transculturalidade como um impulso para a realização dos ODS. O evento é realizado em conjunto pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná, pela Universidade de Ciências Aplicadas da Universidade de Hamburgo (Alemanha) e pelo Programa Inter-Universitário de Pesquisa para o Desenvolvimento Sustentável (IUSDRP), em cooperação com vários órgãos da ONU, escritórios governamentais e autoridades, universidades, empresas, ONGs e organizações de base de todo o mundo.

Na foto Dr. Norman com Carlos Augusto Candêo Fontanini, Agente de Internacionalização da Escola de Negócios da PUC-PR.

Aula inaugural do Mestrado em Governança e Sustentabilidade

Os desafios para os alunos do Mestrado Profissional em Governança e Sustentabilidade do ISAE tiveram início no dia 28 de fevereiro. A turma de 2019 foi recepcionada pelo presidente da Instituição Dr. Norman Arruda Filho e pelo prof. Pedro Luiz Fuentes Dias, que ministrou a palestra As Organizações e sua Relação com a Sustentabilidade Ambiental.

Dr. Norman comentou sobre a responsabilidade que naturalmente os mestrandos sentirão, pois com o conhecimento que vão adquirir, a vontade de fazer a diferença na sociedade se tornará uma urgência. E, ainda segundo Norman, eles estarão capacitados para isso. “As empresas demandam profissionais que estejam voltados para a sustentabilidade. Hoje até existem as preocupações, mas a mensuração e indicadores relacionados ao tema, estão longe de serem reconhecidos por essas organizações. Vocês terão essa missão”, apontou o presidente do ISAE Escola de Negócios.

Já o professor Pedro Luiz Fuentes Dias fez um resgate histórico do desenvolvimento da humanidade até chegar os dias de hoje e como a situação ambiental e econômica mundial não poderá ser mantida como está, pois, assim ocorrerá a perda do bem-estar de toda a população e uma possível catástrofe ecológica.

O professor também apresentou dados que mostraram que 67% das organizações têm área de sustentabilidade, mas na maioria dos casos há menos de 10 anos. Em 17% das companhias, o setor não existe, é apenas uma função dentro de uma área mais ampla, como relações institucionais. “Uma forma de desenvolver um ambiente organizacional favorável à sustentabilidade é acrescentar o desempenho de sustentabilidade ao programa de remuneração variável das companhias. 58% dos pesquisados ainda não o faz”, apontou Dias.

Dentro desses panoramas, as expectativas estão voltadas para alunos do Mestrado, que terão entre suas responsabilidades, contribuir para o desenvolvimento de pesquisas, conscientização e concretização de ações que impactarão na vida de todo o planeta.

 

Conheça mais o Programa de Mestrado Profissional em Governança e Sustentabilidade.