(41) 3388.7800 - (43) 3306.7700
LinkedIn Facebook Twitter YouTube
 

> Dia Internacional da Mulher

Dia Internacional da Mulher

O segundo depoimento em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, traz a história de Maria Rita Sayuri, mãe, profissional e incansável aprendiz:

Desde pequena Maria Rita Sayuri, aluna do MBA em Gestão da Saúde, observava sua mãe, que apesar de todas as dificuldades financeiras e preconceito que uma mulher inserida no mercado de trabalho enfrentava, aprendeu que não devia se satisfazer com o básico em questão de ensino, e nunca parar de estudar. “Minha mãe costumava dizer que eu tinha que fazer diferença naquilo que eu escolhesse como profissão, que eu nunca deveria ser apenas mais uma, que deveria ter como meta ser uma das melhores”.

A pequena Sayuri se tornou uma adolescente que tinha como escolha muitas opções profissionais. “Demorei anos e encontrei minha profissão pelo esquema de tentativa e erro. Sou a prova viva que nunca é tarde para recomeçar e fazer o que se ama”. Maria Rita optou por Odontologia e se especializou na área pediátrica, após passar brevemente por pelos cursos de Letras e Direito.

Sua dedicação aos estudos não a impediu de formar uma família. Mãe de três filhos (9 e 3 anos e em bebê de 7 meses), ela sabe dividir seus inúmeros papeis. “Fico orgulhosa por poder separar meu eu mãe do meu eu profissional.     Apesar de cuidar da família e ter meus filhos, conquistei meu diploma, terminei uma pós-graduação, estou terminando agora em abril mais uma e, atualmente, faço o MBA em Gestão de Saúde”.

Na luta diária, Maria Rita ressalta o desafio de se saber e de se descobrir como mulher, pensar e cuidar de si. “Me dividir para ser mãe, esposa, dona de casa e profissional é muito difícil. É comum esquecermos da mulher que somos e pensarmos somente nos filhos e na família. Por isso, estudar e cuidar do nosso lado profissional é tão importante”.

Com a sabedoria de que ninguém deve parar no tempo e se acomodar, ela se desdobra em mil tarefas, porque acredita que merece mais, que seus clientes merecem mais – por isso seu empenho em suas especializações.

O Dia Internacional da Mulher representa para Maria Rita a luta diária das mulheres. “Toda mulher faz jornada dupla de trabalho, fora de casa e dentro de casa e ainda sim muitas de nós somos menosprezadas por sermos mães e mulheres. É um dia para fazer lembrar aquilo que ninguém devia esquecer, a força de todas as mulheres”.

Voltar